saúde

Até fevereiro de 2018 foram realizados mais de 38 mil atendimentos pelas equipes médica e de enfermagem na UPA de Jequié e 26.649 procedimentos como exames de imagem e laboratoriais, pequenas cirurgias e eletrocardiogramas (ECGs). Em funcionamento desde outubro do ano passado, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Eunice Jesus Leal Almeida, se consolida no atendimento às urgências e emergências da cidade nas especialidades de clínica médica e pediatria.

Dalva Silvestre, de 64 anos, moradora do bairro Joaquim Romão, aprova o acolhimento prestado pela UPA. “O atendimento, assistência, tudo é dez! Dos médicos aos enfermeiros, a equipe inteira é dez. Estão de parabéns!”, exclama a paciente.

A Unidade

Classificada como porte I, a UPA dispõe de equipe multidisciplinar, além de contar com nove leitos de observação, sendo quatro adultos, dois pediátricos, dois de emergência e um de isolamento. Com funcionamento 24 horas por dia, durante os sete dias da semana, a UPA trata de urgências e emergências como pressão e febre alta, cortes, infartos, derrames e estabilização de pacientes mais graves. A Unidade conta com equipamentos modernos para diagnóstico e tratamento dos pacientes.

Classificação por Risco

Ao chegar à Unidade de Pronto Atendimento, o paciente passa, inicialmente, pela recepção. Em seguida, é encaminhado para a sala de classificação de risco, momento em que será acolhido por um enfermeiro. Este profissional irá coletar os dados vitais do paciente e adotará o sistema de classificação por risco, cujo objetivo é identificar os pacientes prioritários conforme as queixas e sintomas.

O Protocolo

O Protocolo Estadual de Classificação de Risco tem como objetivo diminuir o risco de mortes evitáveis com detecção de casos graves em tempo hábil, desafogar os centros de urgência/emergência, além de promover o acolhimento com eficácia.

Para a coordenadora médica da UPA de Jequié, Yanne Montino, a classificação de risco contribui para o trabalho realizado pela UPA e outros serviços hospitalares. “A classificação consegue selecionar os pacientes que necessitam de atendimento prioritário e imediato, independente do horário que o usuário chega à unidade de saúde”, ressalta.

Com objetivo de oferecer melhor acolhimento aos pacientes de Jequié e de estreitar laços entre a Unidade de Pronto Atendimento e o Hospital Geral Prado Valadares, a UPA promoveu, em dezembro do ano passado, um alinhamento de conduta entre os profissionais das duas unidades. “Se trata de um alinhamento no protocolo de acolhimento das unidades, com objetivo de uniformizar as condutas, permitindo que os nossos profissionais, assim como os do Prado, falem a mesma linguagem técnica”, afirma a coordenadora da UPA de Jequié, Nara Costa.

Impacto Positivo no Hospital Geral Prado Valadares

A Unidade de Pronto Atendimento passou a receber pacientes que antes eram encaminhados ao Hospital Prado Valadares, desafogando assim a unidade de alta complexidade e permitindo que recebam as urgências e emergências da região de saúde de Jequié, composta por 25 municípios com uma população total de 512.755 habitantes.

Para a diretora Geral do Hospital Prado Valadares, Polliana Oliveira, a parceria é primordial para os pacientes. “A UPA representa um grande salto na qualidade do atendimento aos usuários junto ao Prado Valadares. Com essa parceria conseguimos diminuir o nosso tempo de espera no atendimento, bem como a melhoria na qualidade da assistência. Todos com uma única meta, o paciente”.

 Fonte: Ascom UPA Jequié

21 de fevereiro de 2018
images_upa_24hjequie-360x240

UPA de Jequié completa quatro meses com mais de 64 mil procedimentos realizados

Até fevereiro de 2018 foram realizados mais de 38 mil atendimentos pelas equipes médica e de enfermagem na UPA de Jequié e 26.649 procedimentos como exames de […]
20 de fevereiro de 2018
Newborn Baby

Assepsia em ambientes e equipamentos neonatais: um caminho sem volta no combate às infecções hospitalares

As infecções hospitalares representam um risco substancial à segurança do paciente e consistem em um grave problema de saúde pública. A infecção hospitalar, se não diagnosticada, […]
23 de janeiro de 2018
OLDG3Y0web

Conheça quais as mudanças de atitude que ajudam a prevenir o câncer

Alimentos naturais, meia hora de atividades físicas, protetor solar, exames diagnósticos regulares e outros hábitos simples são importantes para evitar a doença.   Cuidar mais da saúde […]
17 de janeiro de 2018
Cute young woman at the dentist. Mouth checkup

Cáries: precisamos falar dessa questão de saúde pública

Com tratamento simples e prevenção conhecida, pesquisas ainda revelam que mais de 2 bilhões de pessoas têm cáries em todo o mundo.   Parece um assunto […]